terça, 11 julho 2017 12:01

Rastreios do cancro do colo do útero e do cancro do cólon e reto na Região de Lisboa e Vale do Tejo

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) inicia, no próximo dia 20 de julho, a primeira fase dos programas de rastreios de base populacional do cancro do colo do útero e do cancro do cólon e reto. O programa arranca com uma fase-piloto em quatro unidades de saúde familiar da península de Setúbal e, gradualmente, até ao final de 2018, integrará toda a população servida pelas 434 unidades de cuidados primários instaladas na região.

Os rastreios, no caso do cancro do colo do útero, implicam em estimativa a realização, no primeiro ano, de 81 mil testes e, no caso do cancro do cólon e reto, o recurso a 230 mil testes. A população-alvo abrangida é, para o primeiro tipo de cancro, de 940 mil mulheres, de idades compreendidas entre os 30 e os 65 anos, e para o segundo tipo, de um milhão de homens e mulheres, com idades entre os 50 e os 75 anos.

Os rastreios de base populacional consistem na aplicação de exames sistemáticos a toda a população saudável ou a grupos selecionados da população saudável, com o objetivo de diminuir a incidência e a mortalidade, através da deteção precoce, aumentando as possibilidades de cura e proporcionando um tratamento menos agressivo. O desenvolvimento destes programas de diagnóstico precoce irá disponibilizar, de forma gratuita, um serviço de saúde pública e cuidados de proximidade à população abrangida, fomentando a articulação e a integração entre prestadores de cuidados de saúde.

O investimento necessário à implementação dos rastreios e diagnóstico precoce é de aproximadamente seis milhões de euros no primeiro ano, sendo o projeto submetido a candidatura do Programa de Incentivos à Integração de Cuidados do Ministério da Saúde.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo são detetados anualmente cerca de 400 novos casos de cancro do colo do útero e 2.700 novos casos de cancro do cólon e reto (2015).

PUB

Planning

Onco Planning

Newsletter

Receba a nossa newsletter.

APOIOS:
.......................

BMSMerckMSDPfizerRocheTakeda Oncology