segunda, 17 setembro 2018 12:59

6.ª Semana Europeia de Luta Contra o Cancro de Cabeça e Pescoço arranca sob o mote “Depois do Cancro, a Vida”

Arrancou ontem, 17 de setembro, a 6.ª Semana Europeia de Luta Contra o Cancro de Cabeça e Pescoço, que reúne doentes e profissionais de saúde para darem voz às necessidades de prevenção e apoio aos doentes e sobreviventes deste tipo de cancro. “Depois do Cancro, a Vida” é o mote da campanha que reúne a imagem e a história de 12 sobreviventes de carcinomas da cabeça e pescoço para sensibilizar a comunidade e decisores para a importância de apoiar aquelas que vencem a mais dura batalha.

Num comunicado divulgado à comunicação social, a presidente do Grupo de Estudos de Cancro de Cabeça e Pescoço (GECCP), Dr.ª Ana Castro, alerta que “o cancro é uma dura batalha à qual cada vez mais as pessoas sobrevivem, especialmente se existir um diagnóstico precoce, e é crucial ajudar estas pessoas a retomarem as suas vidas”. Neste sentido, considera que “é necessário sensibilizar a população, os media e órgãos decisores para as necessidades dos sobreviventes”.

O presidente da Associação dos Amigos dos Doentes com Cancro Oral (ASADOCORAL), Dr. José Alves, e um dos protagonistas da campanha, refere que “é importante encontrar formas de chegar ao doente oncológico, perceber as suas necessidades e dar-lhes oportunidades para reaverem a sua vida de volta”.

No decorrer desta semana as associações desenvolvem várias iniciativas, nomeadamente, a inauguração de uma exposição fotográfica na Assembleia da República – “Depois do Cancro, a Vida”, que vai estar patente entre os dias 19 de setembro e 5 de outubro. O objetivo passa por imortalizar a esperança de quem sobrevive e quer retomar a sua vida.

Além desta exposição, o GECCP vai avançar com um projeto-piloto de educação infantojuvenil que pretende sensibilizar alunos de escolas básicas para a importância de manter uma boa higiene oral como forma de prevenção de doenças graves. E, para terminar a semana, decorre ainda um projeto de formação multidisciplinar dirigida a especialistas de Medicina Geral e Familiar.

Sendo esta uma campanha de âmbito global, outros países estão a desenvolver ações de sensibilização e o Prof. René Leemans, presidente do Comitê e Direção da Campanha Make Sense refere que “a campanha não seria o sucesso que é hoje, sem a dedicação das equipas locais por toda a Europa, Brasil e Coreia do Sul”.

Esta é uma iniciativa da Sociedade Europeia de Cabeça e Pescoço (EHNS), GECCP e ASADOCORAL, com o apoio de Merck, Norgine, BMS, MSD, Astrazeneca, Delta Cafés, Ordem dos Farmacêuticos, Holon e Associação das Doenças da Tiroide.

 

PUB

Planning

Onco Planning

Newsletter

Receba a nossa newsletter.

APOIOS:
.......................

BMSMerckMSDPfizerRocheTakeda Oncology