terça, 26 junho 2018 11:49

OncoDNA expande projeto de Medicina de Precisão em Oncologia a centros oncológicos e hospitais de todo o mundo

A OncoDNA acaba de expandir o projeto internacional de Medicina de Precisão (MP), através da atualização do Moncodaneum, um projeto que visa validar o software de MP SaaS da empresa, OncoKDM, e expandir o seu uso para centros oncológicos e hospitais em todo o mundo. Desta forma, novos centros de Oncologia na Europa já assinaram esta parceria e estão a usar ativamente o OncoKDM, pelo que até 40 centros oncológicos em toda a Europa vão ter acesso aos serviços de banco de dados, análise e interpretação do programa, permitindo que biólogos moleculares, oncologistas e médicos destes centros testem o software na prática clínica e tomem decisões de tratamento informadas e individualizadas para seus doentes.

 

Tornou-se cada vez mais difícil para os oncologistas definir as melhores estratégias de tratamento e monitorização para os doentes, devido aos muitos tipos diferentes de dados gerados pelas estratégias de perfil molecular. O OncoKDM trabalha analisando holisticamente todo o espetro de informações sobre biomarcadores de cancro disponíveis, ao mesmo tempo que analisa os dados clínicos existentes. Isso inclui sequenciamento de ADN/ARN, análise imuno-histoquímica, patologia molecular e até mesmo dados altamente complexos, como o sequenciamento de exoma. Através desta abordagem abrangente, o OncoKDM é capaz de criar uma análise personalizada que permite aos oncologistas identificar os medicamentos mais corretos para um doente.

Assim, o projeto Moncodaneum visa integrar e interpretar todas as informações sobre tumores e dados clínicos emergentes de centros oncológicos internacionais e disponibilizar análises e recomendações do OncoKDM para todos os centros participantes.

“Moncodaneum tem o nome do projeto de recolha de informações do início do século 20, Mundaneum, um precursor da Internet. O nosso projeto procura validar o software exclusivo da OncoKDM, que reúne e analisa informações complexas sobre biomarcadores de cancro para permitir melhores resultados para os doentes. Moncodaneum é uma grande oportunidade de oferecer aos centros oncológicos em toda a Europa uma plataforma integrada que funciona através de várias tecnologias e biomarcadores, incluindo ADN, ARN e proteínas, permitindo-lhes comparar análises clínicas e resultados”, afirma o Dr. Jean-Francois Laes, diretor científico da OncoDNA.

“Pela primeira vez, Moncodaneum permitirá que um laboratório que trabalhe com o sequenciamento de ADN para um tipo de cancro compare os seus resultados com outro laboratório que trabalhe com sequenciamento de ARN ou outro que trabalhe com proteínas. Estamos ansiosos por trabalhar com uma rede crescente de hospitais internacionais para promover a aplicabilidade do OncoKDM e apoiar globalmente o uso de medicamentos de precisão para o cancro”, acrescenta.

Até agora, os centros oncológicos que recorrem ao OncoKDM são o Grupo SOLTI em Espanha, o Hospital Jessa na Bélgica, o CHU Strasbourg em França, o Hospital Universitário de Oslo na Noruega, a Escola de Medicina de Hannover na Alemanha, o Hospital Universitário de Colónia na Alemanha e o Centrum Onkologii. Bydgoszcz - Hospital Memorial Lukaszczyk na Polónia.

“A OncoDNA e a SOLTI uniram forças para melhorar as informações que oferecemos aos doentes com cancro de mama metastizado através do nosso programa AGATA e, assim, emitir recomendações personalizadas de tratamento, integrando genómica, expressão génica e dados proteómicos dos tumores na mesma plataforma. Atualmente, a plataforma SOLTI-OncoKDM contém informações sobre 160 estudos de caso, que serão revistos pelo comité de especialistas da AGATA para avaliar se um perfil molecular mais completo modifica ou adiciona novas informações à recomendação previamente fornecida pelo comité numa única base de dados genómicos”, sublinha a Dr.ª Eva Ciruelos, presidente da SOLTI.

“Estamos felizes por fazer parte do projeto Moncodaneum. Pela nossa experiência inicial, a plataforma OncoKDM é muito fácil de trabalhar. Usando a plataforma, concluímos recentemente o nosso projeto oncológico, envolvendo a triagem de 70 doentes com cancro da mama e 30 com cancro do ovário para mutações somáticas. Alguns desses resultados já foram publicados na segunda Conferência Internacional sobre Medicina Translacional - Oncogenética combinada com a cerimónia de inauguração do Fórum Médico Inovador, o Centro de Oncologia em Bydgoszcz, Polónia”, declara a Dr.ª Marzena Lewandowska, chefe do Departamento de Oncologia Molecular e Genética, Fórum Médico Inovador, Centro de Oncologia F. Lukaszczyk, Bydgoszcz, na Polónia.

“O OncoKDM é uma ferramenta valiosa para a interpretação de dados na NGS em ambientes clínicos, particularmente para centros oncológicos que não têm acesso ao suporte de bioinformática para interpretar os seus dados. A plataforma oferece uma interface muito bem projetada que apresenta dados genómicos complexos - incluindo polimorfismos, variantes acionáveis e achados acidentais acionáveis, bem como informações sobre potenciais impactos biológicos e terapêuticos - de maneira concisa e prática”, adianta o Dr. Eric Guérin, responsável pelas plataformas NGS para tumores sólidos nos Hospitais da Universidade de Estrasburgo.

 

PUB

Planning

Onco Planning

Newsletter

Receba a nossa newsletter.

APOIOS:
.......................

BMSMerckMSDPfizerRocheTakeda Oncology