Investigação

Uma equipa de urologistas descobriu que o uso de biomarcadores (miRNA) permite evitar cirurgias agressivas que, até hoje, eram realizadas sem hipótese de diagnóstico prévio em doentes com tumores do testículo metastizado. O trabalho foi premiado no Congresso da Associação Americana de Urologia e publicado no Journal of Urology.

O Prof. Doutor Le Thoung Vu ministrou mais uma master class integrada no webinar internacional da OncoDNA, desta vez sobre as “Implicações da imunoterapia no cancro do pulmão”. O pneumologista especializado em Oncologia debateu os beneficios oferecidos pela imunoterapia e imunogramas na luta contra o cancro do pulmão, principalmente em estadios avançados, devido ao seu caráter personalizado.

Nas últimas semanas, a Onco DNA fechou dois importantes acordos de colaboração com duas empresas americanas de Biotecnologia. Assim, a companhia especializada em Oncologia de Precisão passa a ser parceira das BioClin Therapeutics e Kura Oncology, estando já a disponibilizar os seus serviços a ambas para melhorar e acelerar a seleção de candidatos para alguns dos programas e ensaios clínicos a decorrer.

 

O Comité de Produtos Medicinais para Uso Humano (CHMP) da Agência Europeia de Medicamentos adotou parecer positivo sobre durvalumab para o tratamento de cancro do pulmão de não-pequenas células (CPNPC) localmente avançado e não ressecável, em adultos cujos tumores expressam PD-L1 em ≥1% das células tumorais, e quando a doença não progrediu na sequência de terapêutica de quimiorradiação à base de platina (CRT). O anúncio foi feito pela AstraZeneca e pela MedImmune.

 

De acordo com um estudo recente, divulgado no último dia 9 de agosto, o arsénio pode ser útil no tratamento do cancro, quando combinado em determinadas doses com um medicamento usado na terapêutica contra a leucemia. A investigação foi publicada na edição digital da revista científica Nature Communications.

 

A European Society for Medical Oncology (ESMO) desenvolveu uma nova escala para avaliar mutações no ADN do tumor, que vai simplificar e estandardizar as escolhas de tratamento do cancro. Designada ESMO Scale for Clinical Actionability (ESCAT), foi publicada esta semana na Annals of Oncology, tendo sido acordada pelos principais especialistas em Oncologia na Europa e na América do Norte.

 

Pág. 2 de 30

PUB

Planning

Onco Planning

Newsletter

Receba a nossa newsletter.

APOIOS:
.......................

BMSMerckMSDPfizerRocheTakeda Oncology